Consagrando os Instrumentos Mágicos



Material necessário: Um pires com sal · Três incensos de cravos-da-índia · Uma vela vermelha · Um copo com água e sal
Procedimento: Acenda os incensos e a vela. Feche os olhos e visualize um Circule de luz ao seu redor. Diga então:
Que este Círculo de luz esteja ao meu redor durante o decorrer deste rito de consagração. Eu invoco a Deusa Mãe e o Deus Pai para que se unam a mim e abençoem os Instrumentos que será consagrados e dedicados ao Trabalho da Arte neste dia. Eu invoco a magia dos quatro elementos da Natureza para que tragam a sua força e o seu poder a estes utensílios mágicos.
Toque o Instrumento a ser consagrado no sal que se encontra no pires e diga:
Pelo poder da Terra eu o consagro, abençôo e purifico. Que sua memória passada seja anulada, para que você seja dedicado aos trabalhos sagrados da Grande Mãe. Que assim seja e que assim se faça.
Passe o Instrumento na fumaça do incenso e diga:
Pelo poder do Ar eu o consagro, abençôo e purifico. Que sua memória passada seja anulada. Eu o dedico à Grande Deusa do Círculo do Renascimento a ao Deus Fertilizador. Quem assim seja e que assim se faça.
Passe o Instrumento na chama da vela e diga:
Pelo poder do elemento Fogo eu o consagro, abençôo e purifico. Que sua memória passada seja anulada, pois a partir de agora você é um Instrumento de força e poder da Senhora e do Senhor. Que assim seja e que assim se faça.
Respingue um pouco de água no Instrumento, enquanto diz:
Pelo poder do elemento Água eu o consagro, abençôo e purifico. Que sua memória passada seja anulada, pois agora você é um instrumento dedicado a Arte da Deusa e carrega o poder e a magia. Que assim seja e que assim se faça.
Eleve o Instrumento e diga:
Pelos poderes do alto e dos céus resplandecentes de luz eu o consagro e o dedico a serviço da Grande Mãe.
Toque o instrumento no chão, dizendo:
Pelos poderes de baixo e do submundo eu o consagro e o dedico a Arte Antiga.
Sopre no seu Instrumento, dizendo:
Pelo meu próprio poder eu o consagro e lhe dou vida com este sopro para que você responda só a mim, me ajude e me proteja. Que assim seja e que assim se faça.
Trace um Pentagrama Invocante com o dedo médio sobre o Instrumento, dizendo:
Pelos Poderosos da Arte você foi abençoado. Que assim seja e que assim se faça.
Feche novamente os olhos, visualize o Círculo de luz inicial ao seu redor e então diga:
Que este Círculo de luz e poder retorne ao seu local de origem. Eu agradeço à Deusa, ao Deus e aos elementos na guarda, proteção e bênção deste rito. Que assim seja e que assim se faça.
Veja o Círculo de luz aos poucos desaparecer. Pronto, o seu Instrumento Mágico está devidamente consagrado e carregado de poder. Agora você poderá montar um altar com eles.
Observações:
Todos os Instrumentos Mágicos devem ser consagrados.
Depois que seus Instrumentos forem consagrados, só você poderá tocá-los. Caso outras pessoas os toquem, você deverá reconsagrá-los.
Para um verdadeiro Bruxo, seus instrumentos representam a sua essência, o seu ser, a sua alma e possuem vida. Por isso, devem ser respeitados e guardados com cuidado e carinho.

"O Meu Cálice bebe e embebe a vida O Caldeirão é o Meu útero vivo de regeneração E inspiração, capaz de tudo transformar. Eu os presenteio a você."